MCCE repudia proposta de anistia a candidatos, partidos políticos e empresas

anisitia

O Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral – rede de organizações sociais que liderou a conquista da Lei da Ficha Limpa – vem por meio desta nota repudiar a proposta que tramita na Câmara dos Deputados que prevê descontos para multas eleitorais já aplicadas.

Tal proposta que está sendo discutida pela comissão especial da reforma política daquela casa,prevê a concessão de anistia de 90% em multas eleitorais recebidas por candidatos, partidos políticos e empresas o que atingiria a cifra de aproximadamente 760 milhões de reais, segundo um dos deputados membro da comissão.

Para o MCCE, tal anistia enfraquece o trabalho da justiça eleitoral e do ministério público e transmite uma sensação de impunidade neste momento em que a sociedade clama pela moralidade e ética na política.

Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral – MCCE
MCCE – 15 ANOS (2002-2017)
Voto não tem preço, tem consequências.
18º Aniversário da Lei 9840/99 (Lei Contra a Compra de Votos)
7º Aniversário da LC135/10 (Lei da Ficha Limpa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *