Contextus: O GOLPE DE ESTADO NO BRASIL E AS RUÍNAS DA REPÚBLICA:

contextus-logo

A nova edição de Contextus apresenta a palestra proferida pelo professor Maurício Abdalla no 4º Encontro Arquidiocesano de Fé e Política, ocorrido no dia 25 de novembro de 2017, na PUC Minas, em Belo Horizonte. Trata-se de uma reflexão sobre a conjuntura nacional e as perspectivas políticas do Brasil.

O palestrante, Maurício Abdalla, é filósofo e doutor em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), onde também atua como professor do departamento de filosofia. Também é membro da Rede Nacional de Assessores do Centro de Fé e Política Dom Helder Câmara (CEFEP/CNBB) e do Projeto Novos Paradigmas de Desenvolvimento (ABONG/ISER Assessoria).

O autor parte da constatação de que a interrupção do mandato presidencial por meio de impeachment, ocorrido em 2016, representou uma ruptura institucional. Esse golpe de estado caracterizado como um “golpe suave” teve gravíssimas consequências para a democracia no país. Tão intensas e críticas que podem representar o “fim da República no Brasil”:

A República, que mal já havia, acabou de vez no Brasil. Todos os ideais de república, o mínimo que se estava conseguindo acabou. Os poderes republicanos se fundiram em um conglomerado, cujos componentes, em sua maioria, são mercenários a serviço do capital financeiro e de outros grupos econômicos, sem consideração por Constituição, lei, princípio, soberania popular ou qualquer coisa que sustente o caráter republicano no país. Supremo Tribunal Federal, Congresso Nacional e Presidência da República formaram um conglomerado único.

No espírito do evento que recepcionou a palestra, este texto é uma chamada à reflexão sobre o cenário no qual se desenvolve a luta de tantos grupos de Fé e Política, de pastorais da Igreja Católica e tantos outros movimentos sociais.

Leia o texto completo clicando aqui >>>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *